(77) 3455-2318 | (77) 3455-2272
Sexta, 04 Novembro 2016 09:10

Como começar um negócio investindo quase nada!

Começar qualquer empreendimento nesse cenário de crise é difícil, mas sentimos esse efeito principalmente quando a falta de recursos financeiros limita a nossa criatividade. Boas ideias são sempre bem-vindas, acontece que em muitos momentos elas requerem uma quantia monetária que ainda não disponibilizamos das mesmas.

É possível começar um negócio investindo quase nada? Não se preocupe, é sim. Só precisa do auxílio de algumas ferramentas técnicas para isso e é exatamente o que iremos sugerir agora, para ajudar a sanar o seu questionamento. Venha descobrir conosco como.

  • Esteja preparado para ser um empreendedor

Conheça todas as suas fortalezas e debilidades, não se engane ao pensar que poderá capacitar-se com o tempo, isso é apenas para quem tem uma quantia significativa de dinheiro para começar um negócio. Lembre-se que seu objetivo é investir quase nada, então saiba em que você poderia focar, alguma habilidade que já possui e não precisaria gastar muito dinheiro para aprimorar-se e chamar a atenção.

Ser empreendedor requer disponibilidade de tempo e reflexão para tomar as decisões que parecem ser as corretas em um momento. Também tenha em mente que não existe a melhor decisão, você não pode se culpar por ter escolhido ir por um caminho que parecia certo e depois não resultou tão produtivo. Como empreendedor, seu dever é prever riscos e não a melhor decisão.

Simule futuras situações de risco para a sua empresa, simule um plano financeiro, simule o futuro do seu projeto a curto, médio e largo prazo. Isso não custa nada e, se você pensar em receitas para resolver esses futuros problemas, quando eles realmente ocorrerem, estará preparado e provavelmente já terá uma solução a mãos. Esteja disposto a isso.

  • Use o dinheiro dos outros

Se você não tem dinheiro para uma inversão inicial e começar o seu negócio, nada melhor do que procurar investidores que tenham o dinheiro e se interessem pela sua ideia. Prepare-se para vender as suas fortalezas encontradas no momento de reflexão inicial, procure um investidor, ajuda em crowdfunding, amigos ou familiares que possam emprestar nesse primeiro momento.

Muitas vezes o seu negócio tem um bom potencial de lucro que possam interessar a terceiros que não têm tempo para pensar em ideias novas, mas vivem disso, de investir na criatividade dos outros. É uma boa saída para começar um negócio investindo quase nada.

  • Procure parceiros

Se você realmente não quer se envolver com empréstimos bancários ou com investidores que só querem saber de feedback positivo numérico, uma boa saída é procurar parceiros que estejam dispostos a crescer junto com a sua empresa e tenham interesses em comum.

Pessoas adoram a sensação de exclusividades, inclusive os empreendedores como você. Ao oferecer uma parceria estratégica com alguém, você não perde a autonomia do negócio, ganha credibilidade com os consumidores dele e não correrá esse risco sozinho.

  • Saiba usar o seu networking

Networking é a sua rede de contatos, as suas conexões estratégicas na área do seu negócio. Prepare uma lista com esses recursos humanos e espere o momento certo para aciona-los, sempre irá aparecer a oportunidade, além de fortalecer vínculos com pessoas que não são seus concorrentes, mas que podem atrair futuros-possíveis clientes.

É importante fazer uma lista de possíveis serviços ou produtos que o seu negócio não oferece, mas que seus clientes podem precisar. Quando descobrir quais são, procure profissionais que tenham uma linha de trabalho parecida com a sua, construa um vínculo profissional com eles e sejam um o aglutinador do outro, troca de contato de cliente nunca é demais.

 

É isso aí, depois dessas pequenas e valiosas dicas, esperamos que você já saiba como começar um negócio investindo quase nada. Existem muitas possibilidades no mercado para isso, como a venda de doces ou salgados, rede de freelancer, consultoria ou assessoria virtual, manicure, entre outros. Saiba como monetizar o seu conhecimento e aprimore-se!

E aí, gostou desse post! Confira mais dicas de gestão no nosso blog...

Deixe um comentário