(77) 3455-2318 | (77) 3455-2272

Reajustando o planejamento estratégico da empresa

Reajustando o planejamento estratégico da Empresa

Todo o início de ano é um tempo de grande desafio para todas as empresas devido à necessidade de reavaliação do plano estratégico, do que já foi realizado e análise dos resultados obtidos.

Neste momento, a situação real da empresa deve ser analisada e determinada de forma clara e objetiva. É preciso reavaliar todas as metas e objetivos propostos anteriormente pela empresa e avaliar se vale a pena investir em um objetivo ou escopo que esteja fora do orçamento da empresa a longo prazo.

É preciso conhecer bem a situação atual para dar os próximos passos com firmeza e segurança. Para isso, é preciso levar em conta dois fatores determinantes: a análise externa e a análise interna da empresa.

Na análise externa, será levado em conta o mercado atual e a concorrência da empresa. Conhecer bem estes dois fatores levarão a empresa a estabelecer metas concisas e evitar prejuízos ao tomar uma decisão ou estabelecer uma meta não apropriada para o momento.

Já na análise interna, a primeira iniciativa é passar por um processo de determinação e catalogação dos ativos patrimoniais. Quanto maior for a empresa mais complexa será a determinação dos ativos patrimoniais e maior será o nível de importância para a mesma. Contar com a ajuda de uma excelente consultoria em gestão patrimonial ajudará a empresa a tomar as melhores decisões.

Conhecida a situação externa e interna da empresa, através da realização dos estudos de gestão patrimonial é hora de definir precisamente os objetivos da empresa. Quando se tem este conhecimento melhores metas serão traçadas como também aumentarão as chances destas serem realizadas.

Após ter as metas estabelecidas, chega o momento da ação. Na fase de definição das estratégias, é preciso que os gestores planejem e atribuam tarefas a todos os envolvidos na empresa para que as metas sejam atingidas. Se a empresa planejou bem, analisou corretamente o mercado, definiu os objetivos viáveis e adotaram estratégias inteligentes, sem dúvidas, ela irá atingir seus objetivos. Após o objetivo ser alcançado, a empresa poderá reiniciar todo o processo e buscar traçar objetivos maiores.

 

Defina QUAIS SÃO e COMO EXECUTAR suas metas para 2017

Sempre que estamos chegando ao final de um ano, já soltamos aqueles velhos jargões "Ano que vem eu quero fazer tudo que não fiz este ano", "Em 2017 eu vou realizar minhas metas", "Este ano eu não pude fazer por falta de tempo, mas ano que vem eu farei sem falta", “Eu não emagreci este ano, mas no ano que vem é certeza” (isso por que já tinha feito esta mesma meta anteriormente).

São inúmeras as desculpas que inventamos para nós mesmos por não termos realizado nossos objetivos. Mas por que será que isso acontece? Por que fazemos isso com nós mesmos? Podemos dizer que um dos principais fatores para não cumprirmos nossas metas é simplesmente o fato de não termos metas!

Hã? Mas como assim?

É simples, na maioria dos casos nós temos uma vontade ou necessidade de algo, ao falar pra alguém ou pensar que vamos fazer isso no futuro é fácil, não precisamos executar nenhuma ação, e em nossa mente estamos satisfeitos por que conseguimos já conseguimos realizar mentalmente (na nossa cabeça em um futuro que poderá nem existir). A nossa mente nos engana, nos acomoda e só percebemos nos decepcionados quando é tarde demais, e aí, só no ano que vem de novo (ou daqui a 10 anos, ou NUNCA!).

Uma meta deve ser algo concreto, com prazo máximo de execução, quantificável e com alcance mensurável (não adianta dizer que vai ficar milionário, se você ainda não pagou suas contas atrasadas).

Vou contar uma história interessante sobre um tal “Doidinho da aldeia” que recebi por e-mail estes dias, e me fez refletir muito:

Um viajante estava chegando a uma cidade e, para isso, precisava passar por uma floresta.

Ao passar por ela, viu várias árvores com um alvo e uma flecha bem no centro.

Quando chegou à cidade, perguntou:

– Quem é essa pessoa que tem a pontaria tão boa?

– Ah, não ligue! É o “doidinho da aldeia”.

Ele pensou: Caramba! O cara é tão bom. Por que ninguém da moral para ele?

Ao voltar, o viajante ouviu alguns barulhos de flecha e se deparou com o tal do “doidinho da aldeia”. 

Quer saber como ele acertava sempre no alvo?

O “doidinho da aldeia” pegava a flecha, mirava em um local qualquer e soltava. Depois, ele pintava o alvo em volta da flecha. Dessa forma, sempre acertava o alvo, porque o alvo não estava lá. Ele o pintava ao redor de onde a flecha havia parado. 

O que isso tem a ver com nossas metas?

A virada do ano está chegando e eu sei que você vai fazer as famosas metas de ano novo, acertei?

O problema é que a gente não define metas e objetivos claros em nossa vida. Aí, independente do lugar que você chegue, você vai ter chegado em algum lugar, pois poderá simplesmente pintar o alvo.

Você pode muito mais!

Como você pode deixar de ser o “doidinho da aldeia” e começar a estabelecer suas metas de forma mais efetiva?

Se você pretende emagrecer em 2017, você não deve dizer: "Em 2017 eu quero emagrecer" (isso não é meta, isso é um desejo, um pensamento, algo que o "doidinho da aldeia" diria). Se você quer realmente emagrecer, você precisa ser mais objetivo, ter um motivo para fazer isso, saber como fazer, e determinar quantos quiilos quer perder. Quer um exemplo prático?

"Até o dia 20 de dezembro de 2017 eu vou  perder 8kg, para conseguir eu vou à academia por 1:30 horas, 3x por semana, vou correr 30 min 4x por semana no parque das Bateias, e andar de bicicleta por 3h todos os sábados com meus amigos ou minha esposa, também vou controlar minha alimentação, cortando principalmente os salgados e lanches durante a semana. Vou perder este peso porque meu médico me alertou sobre minha saúde, e também por que quero voltar a usar calça número 40, além de ter mais disposição para praticar minhas aulas de dança"

Olha que incrível!

Você já sabe exatamente o que precisa fazer para emagrecer em 2017, sabe por que precisa fazer e como fazer. Vamos agora separar e explicar cada parte da meta acima.

Meu plano de Metas para 2017:

Meta N° 01: Perder 8kg em 2017.

  • O QUE EU REALMENTE QUERO:           
    Ter mais saúde, ficar mais belo e ter disposição para as aulas de dança.    

    Ninguém quer perder peso, o que queremos e precisamos de verdade é ter o corpo mais bonito, mais saúde e disposição. Perder o peso é algo que precisaremos para chegar lá.


     
  • ATÉ QUANDO EU QUERO:           Até o dia 20/12/2017 .          
    Deixamos 10 dias de sobra antes do fim do ano, para ajustes necessários (caso falte uma pequena diferença), sacrificando aquele super jantar de natal ou ano novo, para conseguir chegar lá).
    Para justificar melhor este prazo, digamos que em 2018 eu vá fazer uma viagem de turismo em um lugar com praias, e quero estar com corpo melhor, para ficar "bem na fita".

     
  • COMO EU VOU FAZER:  
    3 dias de academia (1:30h/dia), 4 dias de corridas (30min/dia), e 3 horas de pedaladas, nos sábados, cortando lanches e salgados durante a semana (deixamos vaga para o final de semana por que ninguém é de ferro).

    Essa rotina de exercício executada durante todo o ano, pode ser mais que o necessário para perder os 8kg, e pode ser bem mais detalhada (dizendo por exemplo quando você poderia comer determinados tipos de alimentos, etc.) O ideal é bom uma projeção maior, por que apesar do compromisso firmado, às vezes é preciso sacrificar algum dia ou outro. Acompanhe sempre o resultado e faça fazer ajustes necessários (Ex: Se chegar no dia 1° de Julho e você ainda não perdeu 4kg é hora de dedicar um pouco mais e controlar mais a boca).

     
  • POR QUE EU DEVO FAZER:
    Prevenir problemas de saúde (conforme alerta do médico), ter o corpo melhor definido, e ter mais disposição para a aula de dança.

    Aqui podemos ver, que você tem 3 principais motivos para correr atrás desta meta. O 1°, é uma necessidade, o 2° e 3°, são para ter um corpo melhor definido, e poder praticar as adoráveis aulas de dança.
    Este "por que" da meta, é muito importante, ele será a sua motivação. Sempre que ficar desanimado ou o resultado não estiver saindo como desejado, agarre-se à estes objetivos, mentalize bem eles e seja persistente. Logo estará firme na sua jornada novamente.

Escreva ou imprima esta meta, cole o papel em um local que você vê facilmente quando acorda e quando vai dormir. (vai te ajudar a lembrar e firmar mais o compromisso).

E se minha meta for outra?

Aqui em nosso blog o foco principal é empreendedorismo e negócios, então por que eu escrevi sobre uma meta para 2017 que fala sobre emagrecer?
A resposta: Por que está tudo conectado!

Eu dei o exemplo sobre o emagrecimento por que é o assunto mais comum quando se fala de metas de ano novo, e por que é mais fácil de te mostrar como definir melhor uma meta. Esta mesma metodologia serve para: Definir um novo crescimento para a empresa, uma viagem (pode ser até para fora do país), a conquista de um novo empresa, aumento de salário, abertura do próprio negócio. Tudo é possível, mas você precisa ser bem objetivo e claro quanto ao que você quer!

Além disso, sua vida é a maior empresa que você vai precisar administrar. Para todos nós é difícil conciliar trabalho e vida pessoal, mantendo uma qualidade de vida que desejamos.
Não existe essa de falar que vida pessoal é uma coisa e vida profissional é outra e tentar separa-las. Você já conseguiu trabalhar direito tendo algum problema pessoal pra resolver? Ou conseguiu ficar tranquilo em casa tendo algum problema no trabalho ou problema financeiro?
Conquistar nossos objetivos pessoais vão refletir diretamente na nossa capacidade de conquista objetivos profissionais!  Não se esqueça disso.

Minha meta para 2017 será perder pelo menos 12kg (1kg por mês), e para isso já vou traçar minha jornada.

Mas e você, já definiu as suas?

Se você curtiu este método? Já defina as suas ai, e se desejar compartilha aqui, durante o ano vamos acompanhar como está o andamento e a realização de cada uma delas. Que tal?